Idioma:
Como Motivar Seu Paciente Durante o Tratamento Odontológico

Criar um diagnóstico e um plano de tratamento adequado é apenas metade da batalha para os dentistas; realmente levar os pacientes a seguir com o tratamento da forma correta é sua atividade mais difícil.

Os dentistas podem alcançar melhor bem-estar geral do paciente, usando um conjunto de técnicas de motivação do paciente que direcionam um melhor comportamento à saúde.

Em todos os cuidados de saúde, mas especialmente na prevenção e no tratamento de endodontia e ortodontia, é importante que os pacientes sejam participantes ativos em sua própria jornada de bem-estar.

Os pacientes são os únicos responsáveis ​​pela mudança de comportamento em saúde. E enquanto alguns pacientes podem estar intrinsecamente motivados a melhorar sua saúde, outros podem exigir incentivo do seu dentista.

Como detectar necessidades de motivação?

Antes que os dentistas possam enfrentar a motivação do paciente, eles devem primeiro entender que alguns pacientes são extremamente motivados desde o início.

Esses pacientes têm alta motivação intrínseca, reconhecem a importância de melhorar sua própria saúde bucal e podem direcionar esforços para esse objetivo específico.

Embora esses pacientes exijam apoio e afirmação de seus dentistas, eles não devem ser o alvo da maioria dos esforços.

Em vez disso, os profissionais de saúde devem aprender a reconhecer os sinais de alerta de um paciente potencialmente não compatível com o tratamento.

Embora a manutenção da saúde bucal ideal seja uma das principais prioridades dos profissionais da área odontológica, é importante reconhecer que isso nem sempre é o mesmo para os pacientes.

As evidências sugerem que a recordação dos pacientes dos conselhos sobre cuidados orais, fornecidos durante as consultas, é muito menor do que o esperado.

A comunicação eficaz com os pacientes é uma das tarefas mais desafiadoras e pode ser muito mais complexa do que o previsto.

Para uma melhor chance de recordação e adesão a longo prazo, a discussão precisa inspirar os pacientes, para que saiam da consulta motivados a cuidar melhor de sua saúde bucal.

Afinal, como motivar os pacientes do seu consultório odontológico?

 Como os horários das consultas são geralmente limitados, com que rapidez podem ser coletadas as informações necessárias para avaliar as necessidades pessoais dos pacientes?

Certas perguntas podem facilmente se tornar habituais, mas ser sensível na abordagem e adaptá-la a cada paciente é fundamental.

Existem várias maneiras de aumentar o engajamento e melhorar a comunicação dos conselhos sobre cuidados bucais:

  • Avalie cada paciente individualmente para entender quais técnicas de motivação funcionarão para ele, ouvindo atentamente suas preocupações e refletindo o uso de palavras.
  • Crie um ambiente de compreensão e respeito, ajudando o paciente a se sentir mais relaxado e confiante para incentivar a discussão.
  • Faça perguntas abertas para obter informações valiosas sobre sua personalidade e motivações (por exemplo, em uma escala de 1 a 10, qual a importância do seu sorriso para você?).
  • Motivar os pacientes a assumirem a responsabilidade por seus cuidados bucais e trabalhar com eles para desenvolver uma estratégia de tratamento preventivo e restaurador.
  • Incentive a autoeficácia ajudando os pacientes a entender que algumas pequenas mudanças em sua rotina diária podem fazer uma grande diferença a longo prazo.
  • Defina metas SMART personalizadas (específicas, mensuráveis, realizáveis, realistas e cronometradas) – essas metas devem ser adaptadas aos hábitos de higiene bucal dos pacientes e refletir sua motivação.

Adaptar as informações aos hábitos de higiene bucal de um paciente e compartilhar de maneira clara e concisa é essencial para aumentar a probabilidade de que o paciente escute, se envolva e tome medidas.

Atenção! Faça do seu consultório e do tratamento uma boa experiência

A psicologia positiva tem o potencial de mudar a vida das pessoas.

O consultório odontológico deve ser amigável, descontraído e profissional. Todo mundo está em uma corrida constante para conseguir algo, ir a algum lugar ou criar algo. Todo mundo tem algum tipo de luta ou luta interior.

Portanto, uma coisa que podemos fazer por nossos pacientes é tornar o tempo gasto em nosso consultório o mais agradável possível. Sempre faça anotações positivas sobre o progresso e pergunte, de maneira gentil, se falta higiene ou cooperação (enquanto explica os benefícios).

Como resultado, quando o paciente pensa em tratamento, pensamentos positivos vêm à mente.

Aplique a mesma atitude com sua equipe. Verifique se sua equipe entende como você deseja que o escritório seja visualizado. Torne o local que o paciente deseja retornar, um local que criará boas lembranças.

Temos a chance única de “criar” nossos pacientes, observando-os se transformarem de adolescentes inseguros em jovens autoconfiantes. Portanto, faça o melhor que puder para o paciente neste aspecto muito importante de seu desenvolvimento pessoal.

Se você é dentista e curte desenvolvimento pessoal, provavelmente conhece os estudos que vinculam motivação do paciente com melhores resultados para o paciente.

Sua experiência em trabalhar com pacientes apoia essa teoria? Você já usou algum dos métodos acima para ajudar a envolver seus pacientes? 

2018 © Copyright BAUMER Dental | Todos os direitos reservados

Nós usamos cookies para oferecermos uma melhor experiência de navegação. Ao continuar a navegar em nosso site, você concorda com a utilização de cookies. Mais informações

Formulário de Inscrição* 

* O preenchimento desse formulário não garante 100% de sua inscrição. Entraremos em contato para finalizar a mesma.