Idioma:
aparelhomóvel
Tipos de aparelho móvel: Quais são os modelos e como funcionam?

O aparelho móvel é muito conhecido por seu uso na infância ou na última fase do tratamento ortodôntico com aparelho fixo. Acontece que há diferentes tipos de aparelho móvel para cada finalidade.

Como aparelho ortodôntico, pode guiar o correto crescimento dos ossos da face ou mesmo servir no tratamento com aparelho fixo. É principalmente por sua pluralidade de uso que surgem as dúvidas sobre o aparelho móvel.

E quais são os tipos de aparelho móvel? Prossiga com a leitura do artigo e veja mais sobre os aparelhos ortodônticos móveis!

O que é e para que serve o aparelho móvel?

“No processo de realinhar os dentes, o aparelho móvel assume um papel importante ao lado do aparelho fixo.”

O aparelho móvel se trata de um aparelho ortodôntico que assume um papel ortodôntico ou ortopédico. No papel ortodôntico, realiza pequenas movimentações para o melhor posicionamento dos dentes do paciente.

No papel ortopédico, promove alterações ósseas essenciais para uma melhora da arcada dentária. Em alguns casos, ele pode ser removível.

 Para que serve o aparelho móvel?

O uso do aparelho móvel depende do estágio de vida do paciente, dos problemas dele e dos objetivos de sua intervenção ortodôntica.

Na infância, ele atende ao papel de guia ortopédico. Com os ossos da face em desenvolvimento, ele orienta o crescimento da mandíbula e da maxila, impedindo que ocorram problemas posteriores.

Também atua no aumento ou manutenção do espaço entre os dentes, evitando problemas de apinhamento ou outros na dentição permanente.

Na fase adulta, ele complementa o tratamento ortodôntico que é feito com o aparelho fixo. Nesse caso, o aparelho móvel impede que os dentes retornem a ficarem tortos.

Quando é indicado o aparelho móvel?

Na infância, há certos sinais que podem indicar a necessidade de aparelho ortodôntico móvel. Eles são:

  • Dentes de leite muito próximos;
  • Encaixe incorreto dos dentes durante a mordida;
  • Dificuldade para mastigar alimentos;
  • Respiração pela boca;
  • Hábito de chupar chupeta ou dedo após os 3 anos;
  • Dentes da frente projetados;
  • Desvios laterais do maxilar.

No caso de fase adulta, os sinais que deve se atentar são:

  • Dores constantes de cabeça ou na região do pescoço, nuca e face;
  • Dentes apinhados, afastados ou com vão;
  • Problema de mordida;
  • Bruxismo;
  • Mandíbula desalinhada;
  • Respiração pela boca;
  • Hábitos como chupar dedo ou roer unha.

Identificado alguns desses sinais, é momento de avaliar qual é o aparelho móvel mais indicado para o caso do paciente!

Quais são os tipos de aparelho móvel?

Os aparelhos ortodônticos móveis não são todos iguais, variando de acordo com o tratamento estipulado. Aliás, podem até assumir funções de outros aparelhos ortodônticos – por exemplo, substituindo os fixos tradicionais.

E quais são os tipos? Conheça agora!

Aparelho móvel funcional

O aparelho móvel funcional é o modelo indicado para estimular, inibir ou direcionar o crescimento e posicionamento da maxila e da mandíbula. Nisso, é ideal para a fase de crescimento das crianças e adolescentes.

No geral, o aparelho móvel funcional é indicado para pacientes com arcada inferior recuada em relação à superior ou com problema de mordida aberta.

Aparelho móvel transparente ou invisível

O aparelho móvel transparente, ou invisível, é uma tecnologia inovadora, com moldeiras confeccionadas em acetato transparente. Dessa forma, seu uso é praticamente imperceptível, o que o torna ideal para adultos.

Ele tem o mesmo objetivo do aparelho fixo, que é a correção do posicionamento dos dentes por meio de alinhadores fabricados sob medida. A correção ocorre graças à troca sequencial das moldeiras, que deve ser feita no tratamento ortodôntico.

Contudo, o aparelho móvel transparente é mais indicado para tratamentos menos complexos.

Aparelho móvel de contenção

Já o aparelho móvel de contenção não substitui, mas complementa o trabalho do aparelho fixo. Ele é usado após o tratamento ortodôntico com aparelho fixo ter sido encerrado, tendo o objetivo de manter os dentes na posição certa.

A boca (com foco nos lábios, língua e osso do maxilar) tem um tempo para adaptação à nova posição dos dentes. Durante esse tempo, o aparelho móvel de contenção atua para que o resultado se mantenha no longo prazo.

No geral, é produzido com acrílico e costuma ser incolor.

Aparelho extrabucal móvel

Considerado a opção menos estética, o aparelho extrabucal móvel é conhecido como freio de burro. Ele é composto por uma cinta de nylon, apoiada atrás do pescoço ou na cabeça, e um arco facial externo.

Ele é utilizado comumente em crianças com o objetivo de controlar o crescimento da arcada superior e fazer os dentes superiores retrocederem. Também pode ser usado para criar mais espaço entre os dentes apinhados.

Dessa forma, evita a necessidade de remover os dentes permanentes.

Quais cuidados tomar com aparelhos móveis?

Apesar de mais prático que o aparelho fixo, é essencial ainda tomar algumas medidas de manutenção. Para o paciente, recomende:

  • Cuidados redobrados na rotina de escovação, com o aparelho tendo que ser retirado uma vez ao dia para limpeza com soluções especiais. Não use água quente na limpeza;
  • Retirar o aparelho móvel apenas quando necessário;
  • Visita mensal ao consultório para manutenção do aparelho móvel.

Para os diferentes tipos de aparelho móvel funcionarem, é essencial a colaboração entre você e o paciente. Com essa parceria ativa, é possível ter conforto e resultados ao mesmo tempo!

2018 © Copyright BAUMER Dental | Todos os direitos reservados

Nós usamos cookies para oferecermos uma melhor experiência de navegação. Ao continuar a navegar em nosso site, você concorda com a utilização de cookies. Mais informações

Formulário de Inscrição* 

* O preenchimento desse formulário não garante 100% de sua inscrição. Entraremos em contato para finalizar a mesma.